V Aquatlo Escola Secundária Jaime Moniz 2016

unnamedO Clube Escola do Liceu juntamente com o Núcleo do Desporto Escolar e Atividade Interna da Escola Secundária de Jaime Moniz, organizam a 5ª edição Aquatlo Escola Secundária Jaime Moniz, com o apoio logístico e técnico da Associação Regional de Triatlo da Madeira.

O V Aquatlo Escola Secundária Jaime Moniz, irá realizar-se no dia 14 de Dezembro de 2016, estando a 1ª prova agendada para as 10h00 da manhã, utilizando as instalações Escolares (Piscina e Campo de Futebol), de acordo com o Regulamento do evento em anexo.

Estão abertas as inscrições para jovens licenciados e não licenciados, de todos os clubes e escolas locais e/ou regionais, devendo as inscrições ser realizadas até ao dia 12 de Dezembro (2ªf), via email para competicoes@triatlomadeira.com , e contendo o nome completo, data de nascimento, BI/CC e nome da escola ou clube que representam.

Este evento de cariz escolar, pretende ser uma oportunidade de acesso à modalidade, confraternização e para muitos uma primeira experiência competitiva no triatlo, não havendo no entanto qualquer custo de inscrição.

 

Regulamento – V Aquatlo Escola Secundária Jaime Moniz 2016

Votação ” Prémios Triatlo 2016 “

Triatlo_2_700x360Encontram-se a partir deste momento disponíveis para votação os ” Prémios de Triatlo 2016 “, votação que tal como em anos anteriores, visa distinguir os atletas, treinadores e clubes, que mais se evidenciaram na actual época desportiva.

Habilitados a votação estão todos os clubes regionais.

Mais se informa que a votação decorre até dia 27 de Novembro (Domingo), estando a gala/jantar de atribuição agendado para dia 3 de Dezembro (Sábado), em local e horário a anunciar brevemente.

Prémios Triatlo 2016

 

VI Triatlo Longo Quinta do Lorde – Ocean Lava 2017

14925741_1141885699233726_8641153704453278731_nA “A.R.T.M” – Associação Regional de Triatlo da Madeira, dá-vos as boas vindas à 6ª edição do Triatlo Longo “Quinta do Lorde” / Ocean Lava – Madeira.

Nesta 6ª edição a Associação Regional de Triatlo da Madeira, tem novamente como parceiro o complexo Turístico, Quinta do Lorde Resort – Hotel & Marina.

Contando novamente com 3 provas disponíveis, este “ VI Triatlo Longo Quinta do Lorde – Ocean Lava 2017 “, tem como prova principal o triatlo de longa distância (1,9Kms de Natação / 85,3 Km de Ciclismo / 20,1 Km de Corrida), ao qual se adicionam 2 provas, uma distância Olímpica (1,5 km de Natação / 35,2 km de Ciclismo / 9,3 Km de Corrida), e na distância de Sprint (750m de Natação / 18,5 Km de Ciclismo / 4,2km de Corrida).

A presente localização do evento desportivo no Município de Machico, proporciona uma vez mais a alteração dos traçados da competição, possibilitando o aumento da competitividade e da espectacularidade da prova.
A competição estará concentrada no Município de Machico, Freguesia do Caniçal, utilizando todo o espaço envolvente da idílica Quinta do Lorde e estradas de acesso à Reserva Natural da Ponta de São Lourenço.
Como novidade principal da edição de 2017, referimos a alteração do percurso do segmento de ciclismo, com as 3 provas integradas no evento (Longo/Olímpico/Sprint) a visitarem o Município de Machico, através da actual via rápida de acesso à cidade (Estrada Regional a partir de 1 de Janeiro de 2017).

O segmento de corrida , irá percorrer a belíssima Marina da Quinta do Lorde, assim como o espaço envolvente ao local, e inseridos na Reserva Natural da Ponta de São Lourenço.

Integrado no evento, disputar-se-á uma competição de Aquatlo Jovem, a qual integra os Calendários Regionais Jovens de 2017, o II Aquatlo Jovem da Quinta do Lorde 2017.

As competições decorreram nos dias 25 e 26 de Março de 2017, de acordo com a calendarização que será apresentada em Janeiro de 2017, pela “A.R.T.M”.

O VI Triatlo Longo “Quinta do Lorde” – Ocean Lava 2017, desafiara os limites dos atletas participantes, numa prova que constituirá um verdadeiro desafio físico. A competição principal será disputada num formato concentrado, tendo os atletas que disputar um segmento de Natação constituído por duas voltas de 950 metros cada, um segmento de ciclismo de 5 voltas, sendo a corrida final disputada em 5 voltas.
O relevo e orografia do local, associadas á aridez, proximidade do mar e estradas de acesso a Machico em perfeito estado de utilização, proporcionaram sensações fantásticas a todos os participantes, associadas às vistas únicas da costa sul e norte da Madeira, ao vale de Machico, assim como de todo o maciço montanhoso da Madeira.

A competição na distância Olímpica e Sprint , II Triatlo Olímpico – Quinta do Lorde/Reserva Natural da Ponta de São Lourenço” e II Triatlo Sprint do Caniçal, terão os mesmos atractivos da competição principal, onde a velocidade imprimida no percurso marcará com certeza o resultado final.

As inscrições estão a decorrer deste o momento, no site oficial da competição:

www.oceanlavamadeira.com , podendo ser solicitados explicações e serviços adicionais para os seguintes endereços: geral@triatlomadeira.com; competições@triatlomadeira.com.

 

Video da edição 2015

Cerimónia de Tomada de Posse – ARTM (2017-2020)

unnamed (1)Decorreu no passado fim-de-semana a cerimónia de tomada de posse dos novos órgãos sociais da Associação Regional de Triatlo da Madeira, para o quadriénio de 2017 – 2020.

A cerimónia protocolar decorreu no Caniço, numa unidade Hoteleira local, contando com a presença do Director Regional de Juventude e Desporto (Dr. David Gomes), o Presidente da Federação de Triatlo de DSC_7274Portugal (Sr. Fernando Feijão), assim como os representantes dos clubes locais e Associativismo desportivo Regional.

Esteve igualmente presente um dos Candidatos formais e Presidência da Federação de Triatlo de Portugal, o Sr. Artur Parreira.

unnamedApós a términus da cerimónia de tomada de posse, decorreu no local um convívio entre as entidades oficiais presentes e todos os presentes.

 

Assembleia Geral

Presidente –  Cristina Ferreira
Vice-Presidente – Corina Bachmeier
Secretário – Joaquim Fernandes
Suplente – Manuel Adelino P. Carvalho

 

Direcção

Presidente – Victor Hugo G. Rodrigues
Vice-Presidente – Paulo Jorge Lourenço
Tesoureiro – Urânio Sutil
Secretário – Noélia Maria S. Vieira
Vogal – Ana Costa Neves
Suplente – Carlos Filipe Ascensão Viveiros

 

Conselho Fiscal

Presidente – Olivério Emanuel Rasteiro
Relator – Cármen Marlene S. Silva
Secretário – Luís Miguel Madureira Mendes
Suplente – Silvano Menezes
Suplente – Pedro Medeiros

 

Conselho de Disciplina

Presidente – José Ambrósio D. Jardim
Vogal – Cláudia Isabel F. Nunes
Vogal – Iolanda Mª P. Oliveira Henriques
Suplente – Mafalda Viveiros

 

Conselho Regional de Arbitragem

Presidente – Adriano Olim
Vogal – Ligia Freitas
Vogal – Fabiola Fernandes
Suplente – Sulamita Neves

Joaquim Fernandes vence Age Group 55-59 do Iberman

Veteranía e experiência de cerca de uma década na modalidade, valeram a " Quim " a vitória.

14657484_10210743393811027_5074867501341706572_nDecorreu no passado 15 de Outubro o Iberman, prova na distância Iron ( 3.8kms de Natação/180kms de Ciclismo/42 Kms de Corrida ) disputada entre Iamonte e Vila Real de Santo António.

Nela encontravam-se à partida 3 madeirenses em representação do Grupo Desportivo das Corticeiras, José Franco (Age Group 35-39), Paulo Margarido (Age Group 44-49) e Joaquim Fernandes (Age Group 55-59), este ultimo estreante numa prova desta distância.

Sortes distintas tiveram os diferentes triatletas da comitiva, numa prova de enorme dificuldade principalmente pelo desnível encontrado no segmento de ciclismo e pelo espaçamento de postos de abastecimento tanto no ciclismo como na corrida final.

14639652_1305502352794534_695338280931624694_nEm termos competitivos, Joaquim Fernandes numa uma estreia triunfante, com um tempo de 11h54min19seg, juntou a vitória no seu Age Group a um honroso 54ºlugar da geral absoluta entre mais de centena e meia de atletas, enquanto que José Franco com o tempo de 13h02min05seg acabou por terminar na 113ª posição final.
Quanto a Paulo Margarido, mais uma vez seguia nas posições cimeiras, desta feita na 6º lugar da classificação geral já no segmento de corrida final, quando um engano de percurso juntamente com outro atleta fez com que acabasse desclassificado por não o cumprir na totalidade.

Embora partilhada com a vizinha Espanha, esta é a única prova da distância Iron a passar pelo território nacional, vendo paulatinamente seja pela proximidade ou pela sua exigência, um significativo crescimento.

 

Classificações