2018 Novembro

José Manuel Mendonça vence Taça do Mundo do Funchal (PTS3)

Realizou-se no dia 28 de Outubro, e pela primeira vez em Portugal, a Taça do Mundo de Paratriatlo – Funchal, prova que juntou cerca de 60 paratriatletas divididos por 6 categorias, de entre os quais 6 portugueses.

O maior destaque vai para o triatleta madeirense, José Manuel Mendonça, pela vitória na categoria PTS3, ele que mostrou uma evolução impressionante a longo de toda a época, sempre assíduo nas competições regionais em preparação para este momento da época. José Mendonça, fez uma prova sem quebras, terminando este triatlo Sprint em 01:40:43.

Outro bom resultado de entre os portugueses foi alcançado por Filipe Marques, ao ser 5º na categoria PTS5, uma das mais competitivas em termos mundiais. Completou a prova com 01:06:31, numa prova ganha pelo triplo campeão Paralimpico, o alemão Martin Schulz, com um tempo de 01:02:58.

Na categoria PTVI, destinada a atletas com dificuldades visuais, e com utilização de guia, também presença de 2 triatletas, Gabriel Macchi, 8º com 01:15:45, e o madeirense Rodolfo Alves, 14º, com 01:28:47.

Na categoria PTS3, também 2 portugueses em prova, o madeirense Emanuel Gonçalves, que alcançou o 10ºlugar com 01:20:32, e Pedro Basílio, com 01:31:49.

A organização, a cargo da Associação Regional de Triatlo da Madeira, agradece o bom trabalho desenvolvido pelo Ludens e Machico, CD Aquático e Clube Naval do Funchal, com os 3 triatletas madeirenses que honraram de uma forma brilhante o triatlo regional.

  • Fotos gentilmente cedidas por Filipe Belo

www_triathlon_org_results_result_2018_funchal_itu_paratriathlon_world_cup_325142

www_triathlon_org_results_result_2018_funchal_itu_paratriathlon_world_cup_325144

www_triathlon_org_results_result_2018_funchal_itu_paratriathlon_world_cup_325146

www_triathlon_org_results_result_2018_funchal_itu_paratriathlon_world_cup_325148

Mariana Vargem 13ª na Taça da Europa do Funchal 2018

Realizou-se no dia 27 de outubro a finalíssima da Taça da Europa de Triatlo do Funchal na distância Sprint.

A madeirenses Mariana Vargem foi uma das 5 triatletas femininas (Mariana Vargem, Madalena Almeida, Maria Tomé, Gabriela Ribeiro, e Vera Vilaça) em representação da seleção nacional, que se deslocou à Madeira para a realização da final da Taça da Europa de Triatlo.

Mariana voltou a alcançar um resultado honroso, ao ser 13ª entre as 30 triatletas presentes nesta competição, com um tempo de 00:58:40, sendo inclusive a 2ª melhor portuguesa atrás de Gabriela Ribeiro, 10ª classificada, que completou esta distância Sprint em 00:58:08.Da restante comitiva, Madalena Almeida ficou na 17ª posição com 00:59:26, Vera Vilaça obteve o 20º lugar com o tempo de 00:59:41 e Maria Tomé passou a meta em 23º com 01:02:13, numa prova que teve como grande vencedora, a russa Alexandra Razarenova que concluiu a competição em 00:56:51.

Os vencedores do circuito da Taça da Europa, cuja etapa final se disputou no dia 27 de outubro, na Madeira, foram o húngaro Márk Dévayque que ficou nesta prova na 4ªposição e a ucraniana Yuliya que nesta final subiu ao terceiro lugar do pódio.

Ricardo Batista 6º na prova masculina

Ricardo Batista, foi o melhor triatleta português em prova, alcançando uma excelente 6ª posição com um tempo de 00:53:00, seguido por Vasco Vilaça, outro dos triatletas que ficou na 8ª posição com um tempo de 00:53:31.
Rafael Domingos foi o terceiro melhor português na 19ª posição com 00:54:22, Alexandre Nobre ficou em 22º lugar com 00:54:34, Pedro Gaspar em 26º com 00:54:48, André Dias na 28ª posição com 00:55:02, Miguel Arraiolos em 36º com 00:56:00, José Vieira em 43º com 00:58:01, Tiago Fonseca em 44º com 00:58:35 e João Mansos em 46º com 01:00:15.

Em primeiro lugar desta etapa final da Taça ficou o belga Marten Van Riel com 00:52:16, que disputou a posição com o alemão Justus Nieschlag num sprint final tão renhido que não foi possível identificar logo o vencedor. O resultado foi apenas apurado pela visualização da foto finisher dos dois triatletas, que caíram logo após a passagem da meta tal foi o impulso para chegar em primeiro lugar.

Para a organização, a cargo da Associação Regional de Triatlo da Madeira, este foi o evento mais aguardado e mais trabalhoso e mais prestigiante de toda a época.

  • Fotos gentilmente cedidas por Filipe Belo

www_triathlon_org_results_result_2018_funchal_etu_sprint_triathlon_european_cup_322009

www_triathlon_org_results_result_2018_funchal_etu_sprint_triathlon_european_cup_322008

Paulo Margarido 2º Classificado no Triatlo dos Açores 2018

Estiveram presentes no passado fim de semana, 5 triatletas madeirenses, na Ponta Delgada, no Triatlo de Longa distância denominado “Triatlo Olímpico dos Açores”, prova composta por 4000m de Natação/120kms de Ciclismo/30kms de Corrida, e pontuável para o Campeonato Nacional de Clubes de Triatlo Longo.

De entre a comitiva madeirense, merece especial destaque o resultado de Paulo Margarido (GD Corticeiras), ele que alcançou o 19ºlugar em termos absolutos, 2º no Age-Group 50-54anos, com um tempo de 07:32:07, numa prova em que foi vitima de um furo no ciclismo que lhe fez perder tempo preciso e um lugar ainda de maior destaque.

Aurélio Góis (GD Corticeiras), também obteve um bom resultado, efectuando uma prova regular, para terminar em 26º da geral, 5º no Age-Group 40-44anos, com um tempo de 07:41:56.

No Age-Group 55-59anos, mais dois triatletas do GD Corticeiras em acção, Joaquim Fernandes 42º na classificação geral, 2º no AG, com um tempo de 08:20:28, e António Oliveira, 44º da geral, 3º do AG, com um tempo de 08:23:52, e um muito bom segmento de corrida final.

Quanto a Fábio Vaz (CAF), teve problemas físicos na corrida final, acabando por abandonar, quando se encontrava numa posição de destaque e de luta pelo top10, ele que esta época tem evidenciado um grande nível nas distâncias mais longas.

Coletivamente no sector masculino, o Grupo Desportivo das Corticeiras foi 6º entre 13 clubes.

Presentes nesta competição estiveram 70 triatletas.

 

Triatlo-dos-Açores-2018-Absoluta-Masculina

Triatlo-dos-Açores-2018-Escalões-Masculinos